domingo, 21 de agosto de 2011

TRINTA DIAS - TRINTA MENUS (19)

BOLINHOS DE TOFU COM ARROZ INTEGRAL



Depois de uns dias de receitas estilosas, soube bem voltar ao básico arroz integral, mais uma vez cozido na pressão, em 2 ¼ medidas de água, durante 30 minutos, mas desta vez com aveia integral.

Os bolinhos de tofu são mais uma receita de Fernanda Vaz (da revista já aqui referida).


Ingredientes
250 gr. de tofu
1 cebola picada
1 cenoura picada
Salsa q.b.
Fio de azeite
Sal
Sumo de limão
1 folha de louro
Óleo para fritar

Preparação
Prensar o tofu durante 30 minutos para lhe extrair todo o líquido, passá-lo seguidamente por um passador fino, pisando com o pilão do suribachi. Temperar com sal e polvilhar com um pouco de sumo de limão. Mexer e reservar.

Num tacho estufar a cebola com um fio de azeite, uma pitada de sal e o louro, quando a cebola estiver transparente, acrescentar a cenoura, mexendo suavemente até que ambos os vegetais estejam macios mas crocantes. Polvilhar com a salsa picada, juntar o tofu e deixar estufar um pouco.

Formar bolinhas com o tofu (passar por farinha - o que, no caso em apreço, se esqueceu com as consequências que se veêm...) e fritar em óleo (de graínha de uva) fervente.

Absorver o excesso de óleo dos bolinhos e temperar com umas gotas de sumo de limão.

Acompanhar com espinafres cozidos ligeiramente salteados num pouco de azeite, sumo de limão, sal, pimenta moída na altura, e raspas de casca de limão, e um pouco de salada.

Apresentação
Fazer um pudim de arroz e coroá-lo com sementes de girassol tostadas.
Formar outro pequeno pudim com os espinafres.
Dispor os bolinhos de tofu e a salada de maneira a encenar uma composição mais harmoniosa do que a documentada na fotografia, o que será muito mais fácil se o processo de fritura sair melhor do que o desastre visível a olho nu. Salvou-se, porém, o sabor, que estava muito bom, e não houve crises de enjoo talvez porque ainda antes do jantar bebi uma água das pedras preventiva…
Ou porque o arroz estava m-a-g-n-í-f-i-c-o (mas quem escreve é suspeito porque não se importaria de comer arroz todos os dias).

Após o termo deste projecto já tenho outro em mente: como fazer fritos bem sucedidos.
Não sei é se é para concretizar neste século…

1 comentário: