quarta-feira, 31 de julho de 2013

A LESTE DA LUA E A OESTE DO SOL - O VERÃO (29)


ARROZ DE BACALHAU

 



 

 

Faltava neste cardápio de receitas de Verão o incontornável arroz de bacalhau, malandro q.b., tal como o comíamos chegados da praia, esgazeados de fome.

 


Se não fosse malandro nem tivesse tomate (o que sucedia no tempo de aulas) as mais das vezes vinha acompanhado ora de omelete ora de ovo estrelado.

Desta vez foi singelamente acompanhado de uma salada mista a gosto e de um esparregado de verdes - desconhecidos quais em concreto pois estavam, já arranjados, no congelador -, salteados, depois de cozidos a vapor, bem escorridos e picados, com sementes de girassol e bagas de goji.   
 

Preparei o arroz da seguinte forma:

Levei meia cebola e dois dentes de alho picados a estufar com fio de azeite e uma pitada de sal, acompanhados de duas folhas de louro, acrescentei um tomate bem maduro cortado em tiras e, por fim quatro medidas de água. Juntei uma medida de arroz (integral, de grão longo e com casca), depois de bem lavado, à água fervente, com um ramo de salsa e um ramo de hortelã. Cozeu cerca de 45 minutos. O bacalhau - comprado em migas na praça no outro fim-de-semana, lascado e demolhado -  juntei-o a vinte minutos do final da cozedura do arroz, sendo a quantidade uma mão cheia (a minha mão...).

Servi  polvilhado de cebolinho e com os acompanhamentos já referidos, a que não faltou um toque de rosé...

 


Sem comentários:

Enviar um comentário