segunda-feira, 4 de novembro de 2013

A LESTE DA LUA E A OESTE DO SOL - O OUTONO (21)


CAVALAS RECHEADAS

Na busca de receitas que pudessem responder ao passatempo [Limited Edition], do blog da Maria, com o patrocínio da Herdade do Gamboal, encontrei (*) uma receita de cavalas recheadas.

Associo sempre a cavala ao Algarve que conheci entre fins dos anos sessenta e meados de setenta. Comia-se regularmente cavala temperada previamente com sal e orégãos, admito hoje (ao tempo comia o que me punham no prato, podendo gostar mais ou menos mas não emitia opiniões nem protestos) que os temperos visavam atenuar o seu sabor intenso. A cavala também servia para alimentar dois gatos que integravam a família, sobretudo quando o meu coração de manteiga se apiedava ante os miados chorões dos bichos. (Hoje mandá-los-ia à caça de comida no quintal, que é para isso que eles – também - servem).

(…)

Regressada da praça com duas cavalas arranjadas, escaladas e desprovidas da espinha central, lavei-as muito bem e coloquei-as em cima de uma folha de papel de alumínio, tendo-as polvilhado com tomilho-limão e orégãos (secos), folhas frescas de hortelã, alho e sal, e borrifado com um pouco de vinagre aromatizado com orégãos.


 
 
Dobrei as cavalas, formei um papelote com o papel de alumínio e levei o peixe a assar no forno, cerca de 30 minutos, a 180ºC (previamente pré-aquecido a 200ºC).
 
 

Servi acompanhadas de acelgas cozidas e salteadas e de abóbora cozida (na ausência de batata doce, complemento que teria sido ideal e perfeito, também ele muito algarvia).
 
 

Nesta receita utilizei duas tisanas – a hortelã e o tomilho-limão – e uma erva aromática – os orégãos – pelo que me considero habilitada a participar no passatempo [Limited Edition], do blog da Maria, com o patrocínio da Herdade do Gamboal.

(*) NATUREZA, GASTRONOMIA E LAZER – Plantas silvestres alimentares e ervas aromáticas condimentares, Maria Manuel Valagão, Edições Colibri, 2009.

Sem comentários:

Enviar um comentário